SÊ BEM-VINDO ! SÊ BEM-VINDA ! YOU ARE WELCOME !

domingo, 31 de julho de 2011

Legal Walls


«I dream that graffiti will be taken seriously, that the city will provide legal walls to enrich the landscape, and that I will subtly convey my own attitude to people through my stencils and stimulate an intellectual change.»

Maya Deren

sábado, 30 de julho de 2011

Meco's Village

Já sentíamos saudades da aldeia do Meco. O reencontro foi celebrado com a exuberância das cores veranis :)

sexta-feira, 29 de julho de 2011

RufiamaDalaifia at Lagoa de Albufeira


Novamente juntos, Rufia e Dalaiama ergueram uma pintura com 4 metros de altura na Lagoa de Albufeira.
Rufia and Dalaiama painted together once again. This time, they made a 14-feet-high artwork in Lagoa de Albufeira.

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Ousadia

«Não é por as coisas serem difíceis que não temos ousadia. É por não termos ousadia que as coisas são difíceis.»

Seneca


«It is not because things are difficult that we do not dare; it is because we do not dare that they are difficult.»

Seneca

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Ao Príncipe Real





Alguns amigos comentaram que este vidrão, junto ao Príncipe Real em Lisboa, após estar concluído, nunca chegou a ser aqui devidamente exibido. Pois hoje procuramos corrigir a situação. Agradecemos o interesse demonstrado :) É só malta porreira à volta do Dalaiama ;p Obrigado a todos :) :) :)

Some friends asked why we haven't shown this glass recycling container (Lisbon) properly since the painting is completed. Ok, so today we publish some pictures of it. Thank you all for your interest and friendship :) :) :)

domingo, 24 de julho de 2011

Something to Reflect On



«I have started to make a constellation in the street in the hope of getting an universal message across, and to offer people something to reflect on as they go about their daily lives.» 

Aleteia (french street artist)

sexta-feira, 22 de julho de 2011

DalaiFiaRufiAma

Ao sul do rio Tejo, Rufia e Dalaiama encontraram-se à entrada da praia do Meco.
Going south Tejo's river, Rufia and Dalaiama painted together at Meco's beach.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Depreciação do trabalho

«Nos últimos anos do século passado e na viragem de um século para o outro, precedendo a enorme crise económica e financeira actual, assistimos a uma enorme e violenta ofensiva económica, social, política e ideológica do capitalismo visando rasgar a plataforma civilizacional de direitos políticos, económicos, sociais e culturais, conquistada pelo movimento operário internacional.


No centro dessa ofensiva está uma profunda depreciação do trabalho. Embora esta depreciação se articule com outras práticas e objectivos da política neo-liberal, ela assume em si o papel de núcleo duro da ofensiva.


A que chamamos depreciação do trabalho?
  • a continuada baixa dos salários reais ou a tendência para a baixa da parte da remuneração do trabalho na distribuição da riqueza socialmente produzida em favor do aumento da parte que dela vem a caber ao capital;
  • a tendência para o real aumento do desemprego independentemente de mínimas flutuações estatísticas, aliás manipuladas;
  • o aumento do trabalho precário nas suas diversas formas: trabalho a prazo, a recibos verdes, trabalho intermitente, etc.;
  • a facilitação por diversas vias dos despedimentos colectivos e individuais sem justa causa;
  • o agravamento das condições de trabalho;
  • a desvalorização salarial e social do trabalho intelectual em sectores como o da educação e ensino, da saúde e da administração pública;
  • a desvalorização do papel das organizações sindicais.»
Manuel Gusmão


domingo, 17 de julho de 2011

Praia da Adraga


Demos um salto à praia da Adraga. Calor e sol.
We always liked Adraga's Beach. It's been sunny and hot.

sábado, 16 de julho de 2011

Posters and Stickers

«At some point I discovered posters and stickers for myself. I could prepare everything at home and put my work up in specially selected spots.»

Dani (german street artist)

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Postgraffiti: a Arte do 3º milénio

A Arte Urbana acontece na rua, visível e acessível a todos. É a Arte democrática que vive da partilha do que é sensível, estético e intelectualmente reflexivo. Street Art, ou postgraffiti: o movimento artístico do 3º milénio. Nunca antes uma manifestação artística alcançou uma dimensão global como a Arte Urbana. Presente nos cinco continentes, desenvolve-se, cria novas formas de intervenção, sempre evolutiva, multiplica expressões e mantém-se em constante propagação. É tão incontornável que brevemente figurará nos relatos da história da arte e será escrita nos manuais escolares a tinta aerossol. Tu, toma parte neste movimento, seja como agente criativo ou apenas fruidor, não te alheies. Torna-te um cidadão informado e participante. Não deixes de ver o óbvio.

domingo, 10 de julho de 2011

A preparar Julho





À entrada de Julho, muitas foram as tábuas serradas e as plaquinhas em preparação, tal como já se fez antes, com vista a um périplo pelas estradas deste belo país ensolarado.

Some days ago we spent some hours sawing some wooden laths to produce more little plates. In the next weeks we'll be spreading messages in the roads of our beautiful and sunny Portugal.