SÊ BEM-VINDO ! SÊ BEM-VINDA ! YOU ARE WELCOME !

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Back to Monte Estoril


Mais tinta derramada sobre as asas da manhã. Bom dia habitantes da cidade! =)

Again and again we hit the streets, still flying over the city, right on time, just before dawn. Good morning everybody! =)


terça-feira, 30 de outubro de 2012

Change Direction



«A menos que mudemos a direção em que seguimos, chegaremos onde vamos.»

Provérbio chinês

«Unless we change direction, we are likely to end up where we are headed.»

Chinese proverb


segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Go to hell, old man!


«If I could go back in time and talk to the kid I was in 1972, on the day I tagged my first train, I'd say:
Hey kid! Stop messing around. Leave the paint cans behind, stay in school, become a doctor or a lawyer, you'd be better off in the long run, believe me, I know.
And the kid would most likely tell me:
Go to hell, old man!»

Richard Mirando aka Seen


sábado, 27 de outubro de 2012

Sabotaz80 ?!?


Nestes tempos difíceis, é verdade que a nossa solidariedade para com a Grécia é incontornável, porém é preciso referir a nossa falta de simpatia pelas latas de tinta lá produzidas :P Com efeito, a marca Sabotaz80 não se recomenda. 
Quanto ao resto, SOMOS TODOS GREGOS ;)


sexta-feira, 26 de outubro de 2012

A cor enquanto fenómeno antropológico


«A cor é um fenómeno cultural, estritamente cultural, que se vive e define diferentemente segundo as épocas, as sociedades, as civilizações. Não há nada de universal na cor, nem na sua natureza, nem na sua percepção. Por isso mesmo, não acredito de todo na possibilidade de um discurso científico unívoco sobre a cor, unicamente fundado nas leis da física, da química e da matemática. (…) O único discurso possível sobre a cor é de natureza antropológica.»

Michel Pastoureau


quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Pintura, intervenção e mudança




«Não, a pintura não é feita para decorar os apartamentos. É um instrumento de guerra ofensiva e defensiva contra o inimigo.» 

Pablo Picasso 



quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Pause


«Before you speak, listen. Before you write, think. Before you spend, earn. Before you invest, investigate. Before you criticize, wait. Before you pray, forgive. Before you quit, try. Before you retire, save. Before you die, give.»

William A. Ward


terça-feira, 23 de outubro de 2012

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Is it?







«When I was young I used to think that money was the most important thing in life; now that I am old, I know it is.»

Oscar Wilde

domingo, 21 de outubro de 2012

Latas novas


Espetacular! Comprámos latas e caps novos e recebemos a revista GraffitiArt de oferta. Ainda por cima tudo foi impecavelmente entregue à nossa porta! Só mesmo a Dedicated faria uma coisa destas! A loja está precisamente a completar 3 anos de existência em Portugal, a MELHOR que alguma vez tivemos no nosso país! Pois que conte muitos mais! Always rocking!!!

Unbelievable! We paid for new caps and new cans and got GraffitiArt Magazine for free. In addition, all of this was delivered to our door! Thanks to SUPERB Dedicated Store, the BEST in Portugal!!! Yeeeeah!!!

sábado, 20 de outubro de 2012

Viscosidade



Quando se está no espaço público, especialmente se optamos por utilizar cola produzida em casa (que tem cor e textura muito próprias), as mãos podem ficar sujas e pegajosas pelo que é recomendável sairmos de casa com panos para a limpeza.



sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Somos o que somos


«Yoga para mim é a percepção da realidade tal e qual como ela é, não como gostava ou imaginava que deveria ser, mas como realmente é. É realizar que eu já sou a realização que quero realizar. Yoga é ver quem sou eu sem “a minha história” ou para além da história. É acordar do sonho da separação e ver que não há separação entre o que eu sou e o que aparentemente me rodeia. E Yoga É sempre, não só durante a prática. Agora neste instante, não daqui a dez anos, não noutra suposta vida, mas aqui e agora, acordar para o que Eu sou. Esta é a minha perspectiva.»

Mestre Marco Peralta


quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Arco-íris


«You'll never find a rainbow if you're looking down.»

«Tu nunca vais encontrar um arco-íris se estás a olhar para baixo.»

«Non troverai mai un arcobaleno se stai guardando per terra.»

Charles Chaplin


quarta-feira, 17 de outubro de 2012

City Scars



«There is something beautiful about all scars of whatever nature. A scar means the hurt is over, the wound is closed and healed, done with.»

Harry Crews



terça-feira, 16 de outubro de 2012

DesUnião Europeia (premiada)


« A UE é hoje uma construção que humilha os povos, sobretudo os periféricos, o euro-imperialismo, mina a sua independência, atrofia decisivamente as democracias, tem inscrita o neoliberalismo nas suas instituições centrais, na sua rigidez monetária, na sua assimetria mil vezes denunciada e com os seus mecanismos explicitados, revelando ser um dos instrumentos mais poderosos de que alguma vez dispuseram certas fracções da burguesia para reconfigurar as economias políticas nacionais, sendo aliás um factor não de controlo, mas sim de intensificação da globalização. Trata-se de um arranjo que está fadado para ser uma causa de conflitos porque é um factor decisivo de polarização social e regional, de perda, sem compensação, de instrumentos de política económica, de austeridade permanente, de desemprego de massas. Nem todo o poder da propaganda é capaz de evitar esta realidade durante muito tempo »

João Rodrigues


segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Nobel da Paz 2012


« A evolução da União Europeia tem vindo a confirmar o aprofundamento de uma estrutura política assente na submissão ao poder económico dos grandes grupos económicos e financeiros.

(...)

O directório das grandes potências, hegemónico na U.E., tem vindo a impor a regra do mais forte, degradando as condições de vida e de trabalho, acentuando as desigualdades e assimetrias, contribuindo para o aumento exponencial da pobreza e da exclusão social e para o cerceamento da soberania dos povos.

(...)

A União Europeia tem vindo a confirmar, por outro lado, a dimensão militarista do actual “projecto europeu”. (...)

O actual modelo de construção europeia conduzido pela U.E. e pelas suas instituições é absolutamente contrário aos interesses dos trabalhadores e dos povos do nosso Continente.

Não se pode premiar, em nome da paz, uma instituição que de forma cada vez mais acentuada põe em causa direitos laborais, sociais, culturais, da paz e da cooperação entre os povos.

Não é possível atribuir um prémio Nobel a uma organização que, com as suas orientações e medidas, legitima políticas anti-sociais e de exploração. »

CGTP-IN (Confereração Geral dos Trabalhadores Portugueses - Intersindical Nacional)



domingo, 14 de outubro de 2012

Austeritarismo mentiroso




« (...) a evidência do fracasso da opção austeritária é cada vez mais indisfarçável e avassaladora. Bem podem os seus arautos e responsáveis continuar a insistir nos «amanhãs que cantam» que já ninguém acredita. Tinham-nos anteontem prometido que cantariam ontem. Tinham ontem prometido que cantariam hoje. E nem um pio se ouviu. »

Nuno Serra


sábado, 13 de outubro de 2012

Desamor pela cor amarela


«A principal razão desse desamor se deve à concorrência desleal com o ouro: com efeito, ao longo dos anos, foi a cor dourada que absorveu os símbolos positivos do amarelo, tudo que evoca o sol, a luz, o calor e, por conseguinte, a vida, a energia, a força, a alegria. O ouro é visto como a cor que brilha, que aquece, que esclarece. O amarelo, privado da parte positiva, tornou-se uma cor apagada, fosca, triste, que lembra o outono, o declínio, a doença... Contrariamente às demais cores de base, que têm todas um duplo simbolismo, o amarelo é a única que guarda apenas o lado negativo.»

«La principale raison de ce désamour est due à la concurrence déloyale de l’or : au fil des temps, c’est en effet la couleur dorée qui a absorbé les symboles positifs du jaune, tout ce qui évoque le soleil, la lumière, la chaleur, et par extension la vie, l’energie, la joie, la puissance. L’or est vu comme la couleur qui luit, brille, éclaire, réchauffe. Le jaune, lui dépossédé de sa part positive, est devenu une couleur éteinte, mate, triste, celle qui rappelle l’automne, le déclin, la maladie... Contrairement aux autres couleurs de base, qui ont toutes un double symbolisme, le jaune est la seule à n’en avoir gardé que l’aspect négatif.»

Michel Pastoureau


sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Cartazes: prós e contras


Considerando que a Street Art caracteriza-se por não ser autorizada (ou pelo menos não é concretizada sob encomenda, acontece sim sob o signo do altruismo), se compararmos a habitual realização de pinturas murais com a aplicação de cartazes, estes, enquanto alternativa, trazem vantagens:

1) podem ser produzidos previamente, o que evita a pintura realizada à pressa e sob pressão, como normalmente acontece no cenário urbano.

2) A intervenção nas ruas é bastante mais veloz, o que facilita:
-- a saída antes que a polícia apareça,
-- a intervenção em spots mais difíceis e arriscados,
-- a propagação por um número muito superior de paredes numa mesma sessão de colagens.

3) Recorrendo aos cabos das vassouras e das escovas, é possível chegar a paredes bastante mais altas.

Naturalmente, há desvantagens:

1) o suporte da pintura é bem mais frágil/precário e tende a desaparecer muito mais depressa;

2) do ponto de vista financeiro a cola, mas principalmente o papel, trazem custos acrescidos;

3) É preciso método e organização, quer na produção antecipada dos cartazes, quer na preparação da cola (a sua longevidade, até ser usada, é sempre limitada, mesmo se armazenada no frigorífico). Este aspecto diminui a possibilidade de improvisação.


Mais uma vez: bom trabalho, boas colagens! Abraços :)))



quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Nem o vento, nem o sol


« Não se pode comprar o vento,
Não se pode comprar o sol
Não se pode comprar a chuva,
Não se pode comprar o calor
Não se pode comprar as nuvens,
Não se pode comprar as cores
Não se pode comprar minha alegria,
Não se pode comprar minhas dores »

Calle 13



quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Dívida USURÁRIA !!!




« (...) não é uma ajuda da troika a Portugal, é uma ajuda da troika à própria troika, co-responsável por este falhanço. Uma ajuda da troika seria outra coisa: seria baixar a taxa de juro cobrada a Portugal. Se neste momento países como a Alemanha se financiam a taxas próximas de 0%, por que razão nos cobram quase 4% ? »

Pedro Santos Guerreiro


terça-feira, 9 de outubro de 2012

Prefeito é Presidente de Câmara


Em terras de Vera Cruz encontrámos este autocolante num telefone público (orelhão). Alguém fez questão de denunciar as diferenças salariais entre governantes e governados. 

Também no Brasil o povo queixa-se das desigualdades sociais próprias de sistemas económicos que incentivam a ganância feroz, a competição desleal e o enriquecimento desenfreado (mesmo que obtido de modo ilícito). 

Os governantes que recebem o voto das classes sociais mais desfavorecidas com o compromisso de as representar, depois de eleitos representam os interesses das classes dominantes. Como pôr fim a este ciclo? Com autocolantes?

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

No Borders No Countries



«I don’t agree with borders. They are man made, done with a pencil, on a map. The earth is round. Passports are fictitious. We are all from the same place.
We should look at other countries as if they are our own… we all belong everywhere and no where at the same time…….»

Faith47

domingo, 7 de outubro de 2012

Democracia pré-fabricada


com El St

«Não existe partido de centro já que as diferenças são apenas de retórica, entre o PS (Partido Socialista) e o PSD (Partido Social Democrata), de direita, agora mais conservador ainda, com a inclusão de um novo líder, que tem um suporte estratégico no PR no tecido empresarial abastado.

Mais à direita, o CDS (Partido Popular), com uma actividade assinalável, mas com telhados de vidro e linguagem pública, diametralmente oposta ao que os seus princípios recomendam e praticarão na primeira oportunidade. 

À esquerda, o BE (Bloco de Esquerda), com tantos adeptos como o anterior, mas igualmente com uma linguagem difícil de se encaixar nas recomendações ao Governo, que manifesta um horror atávico à esquerda, tal como a população em geral, laboriosamente formatada para o mesmo receio. 

Mais à esquerda, o PC (Partido comunista) menosprezado pela comunicação social, que o coloca sempre como um perigo latente e uma extensão inspirada na União Soviética, oportunamente extinta, e portanto longe das realidades actuais. 

Assim, não se encontrando forças capazes de alterar o status, parece que a democracia pré-fabricada não encontra novos instrumentos. 

Contudo, na génese deste beco sem aparente saída, está a impreparação, ou melhor, a ignorância de uma população deixada ao abandono, nesse fulcral e determinante aspecto. Mal preparada nos bancos das escolas, no secundário e nas faculdades, não tem capacidade de decisão, a não ser a que lhe é oferecida pelos órgãos de Comunicação. Ora e aqui está o grande problema deste pequeno país; as TVs as Rádios e os Jornais, são na sua totalidade, pertença de privados ligados à alta finança, à industria e comercio, à banca e com infiltrações accionistas de vários países. 

Ora, é bem de ver que com este caldo, não se pode cozinhar uma alimentação saudável, mas apenas os pratos que o "chefe" recomenda. Daí a estagnação que tem sido cómoda para a crescente distância entre ricos e pobres.»

Jacques Amaury, sociólogo e filósofo francês, professor na Universidade de Estrasburgo



sábado, 6 de outubro de 2012

Perfect Spot



«Sometimes I find a great spot, and make a work for it- sometimes I make a work and have to find a great spot for it. Finding the perfect spot after making a work takes longer… I have 2 big pieces taking up a lot of space in my room right now. They have been waiting about 2 months for me to find the perfect spot for them…»

Posterchild


sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Código Penal - Artigo 212.º - Crime de Dano



«Lei nº 59/2007 de 04-09-2007

ANEXO - CÓDIGO PENAL

LIVRO II - Parte especial

TÍTULO II - Dos crimes contra o património

CAPÍTULO II - Dos crimes contra a propriedade

----------

Artigo 212.º - Dano

1 - Quem destruir, no todo ou em parte, danificar, desfigurar ou tornar não utilizável coisa alheia, é punido com pena de prisão até três anos ou com pena de multa. 
2 - A tentativa é punível. 
3 - O procedimento criminal depende de queixa. 
4 - É correspondentemente aplicável o disposto nos artigos 206.º e 207.º

Início de Vigência: 15-09-2007»

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Knowing Different Techniques


«First I tried out some stencils but I found it a bit of a hassle running around with cut-outs that were still wet and sticky. Then I got to know the big fat markers and I've had massive fun with them when freely styling my character-tags on walls. But the challenge lies in using all kinds of methods and materials that fit the spot you are changing.»

Miss Riel (danish street artist)

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Vantagens de se ser mulher


«I never got into loads of trouble, maybe because I am a girl and I try to explain what I am doing and also flutter my eyelashes as if to say "what do you mean?" This is not vandalism, it's art!»

Nuria (spanish street artist)

terça-feira, 2 de outubro de 2012

New Big Posters







O trabalho continua, acabámos de preparar a 2ª série destes cartazes em grande formato.

We keep on working: we have just finished the second part of this big poster series.