SÊ BEM-VINDO ! SÊ BEM-VINDA ! YOU ARE WELCOME !

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Criar e produzir infinitas couzas


«este entendimento operativo ou pratico, obra interna e espiritualmente todas as couzas q o entendimento intelectivo entende; como em hum mundo imaginado, forma, goza, e conhece tudo o q pode conhecer, e gozar em ser real e verdadeiro; depois em o mundo material e visivel: Este a meu ver, he o debuxo interno; o eterno he aquelle mesmo reduzido a actual em materia vizivel; emulando arteficiosamente a mesma natureza, em criar e produzir infinitas couzas; obrando com lapis, pena, ou outra qualquer materia apta ao magisterio, sobre algua superficie: de sorte q alem do Debuxo especulativo interno, temos o operativo e obrado com suas difinições.»

Felix da Costa Meesen (in A Antiguidade da Arte da Pintura, 1696)

1 comentário:

teca disse...

Alegria em forma de cores e formas. Criatividade em alto grau!!!

Beijos.